SP Escola de Teatro também pensa no meio ambiente

Publicado em: 23/03/2010

A partir de Abril de 2010,  a SP Escola de Teatro inicia trabalhos com foco no meio ambiente, sob a orientação do coordenador de Planejamento Ambiental do Governo do Estado de São Paulo Casemiro Tércio Carvalho.

 

Na função desde junho de 2007, Casemiro diz ter sido “picado pelo verde” e, desde então, arregaçou as mangas para desenvolver mais de 20 projetos na Secretaria do Meio Ambiente. Entre eles, inseriu o planejamento do que é feito no presente para que tenhamos um ambiente melhor no futuro – por meio de monitoramento e estudo de resultados.

 

A proposta para a SP Escola de Teatro tem dois pontos principais. O primeiro é a adequação ambiental da estrutura da escola. Torná-la um prédio sustentável, atentando para iluminação natural, conforto térmico e acústico,  coleta seletiva e o uso consciente de material descartável.

 

O segundo ponto é inserir a questão ambiental em discussão no cursos. Destacar o ambiente externo da cidade de São Paulo, sobretudo as dimensões ambientais (ar, água, solo e biodiversidade) no contexto socioeconômico.

 

Para reciclar esta visita especial para a Escola, Tércio deixou 5 dicas para começarmos a pensar no meio ambiente.

 

1ª. Faça o que você fala – “sair do discurso é ir para prática”. Se você diz que cuida, cuide mesmo.

2ª. Comprar com consciência – Para qualquer produto, observar de onde veio, se a embalagem é adequada, se vale o preço, como é feito o transporte. Não compre desenfreadamente. Analise o custo-benefício.

3ª. Tente gerar menos resíduos – use a quantidade necessária de guardanapos, por exemplo.

4º. Água e energia – Consuma o suficiente. Não desperdice!

5º. Motive outras pessoas. Não faça sua ação terminar em você.

 

A SP Escola de Teatro já fez a sua primeira ação, com a instalação de um bicicletário  na entrada principal . Aproveite e nos faça uma visita.


Texto: Paula Kasparian
Foto: Eric Vecchione