"O Ator/Realizador" no Bate-Papo Online

Publicado em: 23/02/2012

Qual é o papel do ator que busca dominar todas as etapas do processo criativo de uma obra teatral? Para responder a esta e outras perguntas em torno deste tema, o ator, jornalista e promotor cultural Paulo Azevedo é o convidado do Bate-Papo Online realizado pela SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco nesta quinta (23), das 16h às 17h, aqui no Portal.

 

Formado em Jornalismo pelo Centro Universitário de Belo Horizonte (UniBH), boa parte da carreira profissional de Azevedo se deu no teatro. É o fundador e ex-integrante do Grupo Espanca!, onde atuou nos espetáculos “Por Elise” (2005) – vencedor dos prêmios APCA, Shell/SP e Sesc Sated/MG de Melhor Texto – e “Amores Surdos” (2005), pelo qual foi indicado como melhor ator aos prêmios Qualidade Brasil e Usiminas Sinparc/MG.

 

Integrou, ainda, o Oficinão Galpão Cine Horto, dirigido por Chico Pelúcio. No coletivo, escreveu as peças “Sonetos de Areia” e “Nômades”, do Projeto Cena 3×4, sob a coordenação de Antônio Araújo e Luís Alberto de Abreu. De 2002 a 2009, foi parceiro da bailarina e coreógrafa Dudude Herrmann.

 

Durante sua trajetória, trabalhou com grupos e diretores reconhecidos, como Ione de Medeiros, do Grupo Oficcina Multimédia, Mônica Ribeiro e Yara de Novaes, da Cia. Móvel de Teatro, e Elisa Santana, do Filhos da PUC. 

 

Do teatro, foi parar na tv, como apresentador e entrevistador do Programa Agenda, exibido pela Rede Minas de Televisão, onde também produziu diversos vídeos educativos e institucionais e ocupou o cargo de assistente de direção. Na televisão, também fez parte da Oficina de Novos Talentos da Rede Globo Minas. 

 

De volta aos palcos, Azevedo dirigiu a peça “A Carne Exausta” (2011), com as atrizes Erica Montanheiro, Juliana Mesquita, Ligia Yamaguti e texto de Cássio Pires, e foi artista orientador do Programa Vocacional de Teatro da Secretaria de Cultura de São Paulo.

 

Alguns dos outros trabalhos recentes do artista são como ator convidado em “Raptada Pelo Raio” (2009); diretor em “A Carne Exausta” (2011), texto de Cássio Pires; e ator e responsável pela concepção geral, em parceria com Rita Clemente, do espetáculo “Histórias de Chocar” (2011), baseado no romance “Ensaios de Amor”, do escritor suiço Alain de Botton. Atualmente, está em cartaz em São Paulo com o espetáculo “Hell”, dirigido por Hector Babenco ao lado de Bárbara Paz, sucesso das temporadas paulista e carioca em 2011.

 

Participar do Bate-Papo Online é fácil. Basta acessar o chat na data e hora marcadas. Não perca!

 

 

Serviço

Bate-Papo Online com Paulo Azevedo

Tema: “O Ator/Realizador”

Quando: Quinta-feira (23), das 16h às 17h

www.spescoladeteatro.org.br/chat

 

 

Texto: Felipe Del