Em Cartaz / EVENTOS PASSADOS

FILTRAR POR:
  • Todos
  • Sala Vange Leonel
  • Sala Alberto Guzik
  • Sala Antonio Pompêo
  • Sala Hilda Hilst

Sala Vange Leonel

Prantos Invisíveis

‘Prantos Invisíveis’. Fotos: Divulgação

Com uma equipe inteiramente composta por mulheres, o espetáculo “Prantos Invisíveis” traça uma espécie de retrato poético da imigração das mulheres latino-americanas em São Paulo.

Muitos são os motivos que as trazem. Muitas são as condições em que chegam. Muitas ficam sem serem percebidas. E pouco disso tudo se diz. Um fio condutor que se desfia ao longo de uma narrativa não-linear. A diluição das fronteiras para a afirmação da “hermandad”.

Ficha técnica:
Direção e roteiro: Amanda Freire | Atuação: Danielle Gouvea, Duda Carvalho, Letycia Nascimento | Desenho de luz: Luiza Dalgarrondo | Montagem e técnica de luz: Renata Adrianna | Operação de luz: Amanda Freire | Sonoplastia: Ágatha Barbosa (Cigarra) | Operação de som: Inaiê Goulart | Figurino: Lina Castellanos | Maquiagem: Priscila Soares | Video mapping: Jéssica Trinca | Fotografia: Victória Sales | Identidade Visual: Isadora Giuntinni | Produção: Amanda Freire, Daiane Baumgartner, Letycia Nascimento

 

Desolador

O ator Clovys Tôrres em cena no espetáculo. Foto: Giorgio D’Onofrio/Divulgação

“Desolador” apresenta um retrato poético de Antonin Artaud (1896-1948). No espetáculo que tem autoria e direção de Gabriela Mellão, Artaud surge em cena como um homem em processo de decomposição.

O solo protagonizado por Clovys Tôrres busca através da composição dramatúrgica e da concepção de encenação retratar este homem desintegrado pela dor, arruinado pela consciência das faltas do homem de seu tempo.

As angústias mais profundas deste pensador, teórico, dramaturgo, ator, diretor e poeta francês fundamental do século 20 se revelam sobretudo sensorialmente na composição de um universo sufocante, expresso através de imagens e palavras.

O espetáculo foi inspirado em cartas e textos pessoais do autor, escritos como Cadernos de Rodez, que datam de seu período de internação, no manicômio de Rodez, de 1937 a 1946, época em que ele esteve mais fragilizado – mesmo assim, consciente de sua doença e do valor de suas crenças artísticas e humanas.

“Desolador” foi escrito há dez anos por Gabriela Mellão, a pedido de Clovys Tôrres. De certa forma, está sendo gestado desde então pela dupla.

Ficha técnica:
Texto, direção, cenário: Gabriela Mellão | Elenco: Clovys Tôrres | Luz: Alexandre Stockler e Gabriela Mellão | Trilha: Gabriela Mellão | Fotografia: Giorgio D’Onofrio.

***

Durante a temporada de “Desolador”, na SP Escola de Teatro, acontecerá o Segundas Conversas – Artaud em Pauta. Trata-se de bate-papo informal sobre o espetáculo e o universo de Artaud, logo após o espetáculo, as segundas-feiras, com psicólogos e filósofos. A ideia é enriquecer o debate em torno da peça e proporcionar um momento de conversa mais filosófica e psicanalítica a partir dos temas abordados em cena. Confira a programação de conversas após o espetáculo:

19 de fevereiro
“Poesia e Psicanálise – A dor de Antonin Artaud”
com a psicóloga, psicanalista e mestre em psicologia clínica Elisabeth Antonelli

26 de fevereiro – 2018
“Antonin Artaud: Existência e brevidade”
com a psicóloga Tatiana Assadi

5 de março
“Poesia, saúde e clínica”
com o filósofo Emilio Terron

12 de março
“A loucura em Artaud e a poesia que nos salva”
com a psicóloga Andrea Vistue

19 de março
“Artaud: Poesia e finitude”
com a psicanalista Maria Elisa Pessoa Labaki



Não há eventos passados no momento!



Não há eventos passados no momento!



Não há eventos passados no momento!



Nossa programação também está no SP Estado da Cultura, ferramenta disponibilizada pelo Governo do Estado de São Paulo com os eventos de todos os equipamentos culturais do estado.

Agenda Seta Seta

 

O site da SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco está sob licença Creative Commons. A cópia e a reprodução de seu conteúdo são autorizadas para uso não-comercial, desde que citado o devido crédito ao site, aos autores e fotógrafos. Não estão incluídas nessa licença obras de terceiros.

Para reprodução com outros fins, entre em contato com a Escola.

Assisdesign