Um pouco mais

A Associação dos Artistas Amigos da Praça (Adaap) é uma associação civil sem fins lucrativos ou econômicos, que gere a SP Escola de Teatro. Seu conselho é formado por Contardo Calligaris, presidente do Conselho de Administração, psicanalista, autor e dramaturgo; Soninha Francine, presidente do Conselho Fiscal, jornalista, foi vereadora em São Paulo e subprefeita da Lapa; Rachel Rocha, vice-presidente do Conselho de Administração, advogada e vice-presidente da Comissão da Diversidade Sexual e Combate à Homofobia da OAB/SP; Angela Coelho da Fonseca, estilista e empresária de sucesso; Lauro César Muniz, dramaturgo e autor reconhecidos; Leandro Knopfholz, um dos criadores e diretor geral do Festival de Teatro de Curitiba; Samuel Leon, empresário e editor da Iluminuras; Sérgio Campanelli, sócio da MCR, uma das produtoras de som mais premiadas do Brasil; Vilma Eid, diretora da Galeria Estação; Maristela Mafei, empresária, sócia-fundadora do Grupo Máquina da Notícia; Vicente de Freitas, gerente de publicidade dos segmentos cultural e educacional da Folha de S.Paulo; e Cléo De Páris, jornalista, atriz e coordenadora do Programa Kairós da SP Escola de Teatro.

Antes de formar o Conselho, porém, uma das primeiras pessoas com quem Ivam Cabral e Alberto Guzik falaram sobre o projeto da SP Escola de Teatro foi o ator Paulo Autran. “Ele se entusiasmou muito e disse que aceitaria ser um dos conselheiros da Instituição com muito prazer, mas veio a falecer antes de o sonho tomar forma”, conta Ivam, acrescentando que na gênese do projeto havia também a necessidade de criar diálogos entre grandes nomes das artes cênicas, professores e aprendizes. “Fernanda Montenegro, Zé Celso, Antunes Filho, Eugenio Barba, entre tantos outros… Acho que estamos conseguindo”, conclui.